Buscar

657060 - SOCIOLOGIA E EDUCAÇÃO gabarito 2 (1)

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 4 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

QUESTÃO
	ALTERNATIVA CORRETA
	
	 
	1
	B
	2
	C
	3
	B
	4
	C
	5
	E
	6
	D
	7
	E
	8
	D
	9
	B
	10
	C
Questões de múltipla escolha
Disciplina: 657060 - SOCIOLOGIA E EDUCAÇÃO
Questão 1: Uma importante contribuição teórica de Marx é a discussão do conceito de classe social, que pode ser compreendida a partir de alguns pressupostos. O autor argumenta que as divisões de classe baseiam‐se nas diferenças das relações entre os indivíduos e o processo de produção, em especial na propriedade e no controle dos meios de produção (SILVA, Jefferson Peixoto da; THOMÉ, Renata Viana de Barros. Sociologia e educação. São Paulo: Editora Sol, 2014.) Em que consistem esses meios?
A) Na propriedade da terra, no capital e nos instrumentos de trabalho.
B) Na força de trabalho, na matéria-prima e nos meios de trabalho.
C) Na propriedade da terra, nos instrumentos de trabalho e no processo de trabalho.
D) Na propriedade da terra, nos objetos de trabalho e na mais-valia.
E) Na força de trabalho, no trabalho humano e na matéria-prima.
Questão 2: Os aparelhos ideológicos do Estado, que atuam nas consciências das pessoas, encontram-se:
A) Somente na escola e na Igreja.
B) Somente nas famílias e no sistema jurídico. 
C) Nas famílias, nas escolas, nas igrejas, nos sistemas jurídico e político, nos meios de comunicação.
D) Somente nas meios de comunicação de massa.
E) Somente no Estado.
Questão 3: Para Marx e Engels, a educação no sistema capitalista tem por finalidade:
A) Emancipar as classes sociais mais pobres. 
B) Perpetuar a exploração das classes sociais mais pobres. 
C) Instruir e profissionalizar as classes trabalhadoras. 
D) Favorecer a ascensão das classes assalariadas. 
E) Instaurar um processo revolucionário entre as classes sociais.
Questão 4: O sujeito do Iluminismo era concebido como tendo uma identidade fixa e estável, mas a essa perspectiva contrapôs-se um sujeito descentrado, com identidade fragmentada. Essa afirmação ancorada no pensamento de Stuart Hall faz referência a um sujeito pós-moderno cuja identidade é:
A) Lógica.
B) Pronta e acabada.
C) Contraditória.
D) Líquida.
E) Virtual.
Questão 5: Em relação à ideia de Marx, é correto afirmar:
A) A teoria social de Marx não se limitou a ligar política, filosofia e economia. Ela deu um passo a mais ao estabelecer uma ligação entre teoria e prática, ciência e interesse de classe.
B) A função da Sociologia para os marxistas não era somente solucionar os problemas sociais com o objetivo de reestabelecer o bom funcionamento social, como salientavam os positivistas.
C) Comprometido com a transformação social, o marxismo toma as contradições do capitalismo como um dos focos centrais da teoria. 
D) Para Marx e Engels a luta de classes sempre esteve presente na história das sociedades. A luta de classe é o motor que faz a história se mover.
E) Todas as alternativas estão corretas.
Questão 6: A Revolução Industrial, em particular na segunda fase, após 1850, representou uma mudança na configuração social. Por exemplo, houve um êxodo do campo e uma procura pelos centros urbanos. O rápido processo de industrialização e urbanização resultou, num curto espaço de tempo, no aumento da prostituição, suicídio, alcoolismo e criminalidade. Estes fatos foram determinantes para a criação de uma realidade social que exigia ser analisada e explicada, levando, assim, ao surgimento da Sociologia. 
Dessa forma, é correto afirmar que o papel da Sociologia neste contexto foi:
I - Criar em certa medida uma resposta intelectual às novas situações colocadas pela Revolução Industrial.
II - A tarefa que os pensadores se propuseram no primeiro momento é a de racionalizar a nova ordem, encontrando soluções para o estado de “desorganização” então existente.
III - A palavra Sociologia apareceu somente na segunda metade do século XX, década de 90, por conta dos acontecimentos desencadeados pelas revoluções burguesas (Francesa e Industrial). 
IV - A Sociologia surge neste contexto como uma ciência que tem preocupação com a vida social, o estudo da sociedade e os fenômenos sociais. 
Assinale as assertivas corretas:
A) I, II e III 
B) II, III e IV 
C) I, III e IV 
D) I, II e IV
E) Todas as assertivas estão corretas
Questão 7: Ao estudar os fenômenos da vida religiosa, desejava compreender a sua influência sobre a conduta econômica dos indivíduos. Com esse propósito, realizou investigações sobre as grandes religiões da Índia, da China etc. O seu trabalho A ética protestante e o espírito do capitalismo, publicado em 1905, ficaria particularmente famoso nessa área de estudo. Tinha ele a intenção de examinar as implicações das orientações religiosas na conduta econômica dos homens, procurando avaliar a contribuição da ética protestante, especialmente a calvinista, na promoção do moderno sistema econômico. Reconhecia que o desenvolvimento do capitalismo devia-se em grande medida à acumulação de capital a partir do final da Idade Média. Mas, para ele, o capitalismo era também obra de ousados empresários que possuíam uma nova mentalidade diante da vida econômica, uma nova forma de conduta orientada por princípios religiosos. Em sua visão, vários pioneiros do capitalismo pertenciam a diversas seitas puritanas, e em função disso levavam uma vida pessoal e familiar bastante rígida. Suas convicções religiosas os levavam a considerar o êxito econômico como sintoma de bom indício da bênção de Deus. Como esses indivíduos não usufruíam seus lucros, estes 67 eram avidamente acumulados e reinvestidos em suas atividades (MARTINS, B. C. O que é Sociologia. São Paulo: Brasiliense, 1994 (Coleção primeiros passos).
O trecho anterior se refere a qual sociólogo? 
A) Marx
B) Jung
C) Habermas
D) Adorno
E) Weber 
Questão 8: Em relação ao contexto atual da educação no Brasil e no mundo, especialmente no que toca a temas como globalização, novas tecnologias, democratização e novas ferramentas de ensino em tempos de crescente informatização, julgue as seguintes afirmativas e assinale a correta: 
A) Em decorrência da educação internacionalizada, tem-se hoje uma grande diversidade nos sistemas de ensino, uma vez que a globalização não alterou a educação dos países.
B) A aprendizagem a distância, sobretudo a baseada na internet, será uma tendência passageira, em razão da falta de qualidade do ensino ministrado.
C) Espaços na sociedade civil que estão entrando em contato com a educação não possibilitam maior democratização da informação nem do conhecimento. 
D) As novas tecnologias criam novos espaços de conhecimento, ampliando as possibilidades de educação, que não fica mais restrita à escola. 
E) A sociedade do conhecimento traduz-se em hierarquia, e não em redes, portanto o conhecimento é burocratizado e não prevê interatividade, conectividade e intercâmbio entre pessoas.
Questão 9: Para Marx, o sofrimento e a miséria das classes trabalhadoras na sociedade capitalista acontecem porque há expropriação:
A) Da força do trabalhador.
B) Dos meios de produção.
C) Dos resultados da produção.
D) Da consciência histórica.
E) Do modo de vida assalariado.
Questão 10: As discussões em torno da redemocratização da sociedade brasileira, no período que sucedeu o regime de Ditadura Militar (1964-1984), fez emergir debates em torno da também necessária democratização da escola, contexto no qual surgiram defesas a respeito da construção do projeto político-pedagógico (PPP). A elaboração do projeto político-pedagógico é um processo de consolidação da democracia e da autonomia da escola, com vistas à construção de sua identidade. É uma ação intencional, com um compromisso definido coletivamente, que reflete a realidade, busca a superação do presente e aponta as possibilidades para o futuro. O projeto político-pedagógico é um documento que não se reduz à dimensão didático-pedagógica. 
Nesse sentido, constitui-se como:
A) Instrumento legitimador das ações normativas da equipe gestora.
B) Desenvolvimento de ações espontâneas da comunidade escolar.
C) Definiçãode princípios e diretrizes que projetam o vir a ser da escola. 
D) Incorporação de múltiplas teorias pedagógicas, produzidas na contemporaneidade.
E) Implementação de estrutura organizacional visando à administração interna da escola.