A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
Aerossóis 11.02

Pré-visualização | Página 1 de 1

12/02/2014
1
Aerossol
Prof. Marcelo D. Malesuik
Curso de Farmácia
Disciplina de Farmacotécnica II
� Sistemas dispersos
�São sistemas constituídos por gases liquefeitos ou
comprimidos, capazes de dispensar a substância ativa.
Aerossol 
Formas Farmacêuticas Pressurizadas
� Substância ativa, no estado líquido ou sólido, se
encontra finamente dividida e dispersa em fase gasosa
(sistema coloidal).
- Semelhanças com 
outras FF
- Formulação;
- Estabilidade do produto;
- Eficácia terapêutica;
- Diferenças por ser um sistema pressurizado:
Sistema que depende do poder de uma válvula e de um
gás comprimido ou liquefeito para expelir o conteúdo da
embalagem.
Tópico: anestésicos locais (benzocaína)
sprays antibacterianos (neomicina)
sprays antifúngicos (miconazol)
corticosteróides antiinflamatórios (dexametasona)
Vias de administração x Usos
Oral e sublingual:
anestésicos locais (lidocaína)
antissépticos 
anti-anginais (nitroglicerina)
Nasal: descongestionante (fenilefrina)
esteróides antiinflamatórios (beclometasona)
Pulmonar:
broncodilatadores (albuterol, salbutamol, salmeterol)
anti-inflamatórios esteroidais (budesonida, beclometasona, 
fluticasona)
12/02/2014
2
* rápida ação;
* prevenção de degradação no TGI;
* uso de baixas dosagens, minimizando os efeitos
adversos;
* rota alternativa para impedir interação com outros
medicamentos administrados;
* via alternativa nos casos em que o fármaco apresenta
farmacocinética prejudicada por via oral;
Vantagens das formas farmacêuticas pressurizadas Vantagens das formas farmacêuticas pressurizadas
* Uma porção do medicamento pode ser facilmente retirada da
embalagem sem contaminar ou expor o material restante;
* aplicações tópicas = pele em uma camada fina e uniforme – sem tocar
área afetada;
* caráter hermético = protege os fármacos - oxigênio atmosférico e
umidade;
* Opaco = não afetados pela luz (durante o uso e a armazenagem do
produto);
* Embalado em condições assépticas – esterilidade pode ser mantida
durante a vida de prateleira.
Vantagens das formas farmacêuticas pressurizadas
* A rápida volatilização do propelente também proporciona um efeito
refrescante;
* A dosagem pode ser controlada por válvulas dosadoras;
* Enorme superfície de aplicação;
* A utilização de aerossol é um processo simples e rápido, limpo e
higiênico, comparado com a aplicação de outras formas.
Dois componentes principais: 
1. gases liquefeitos: propano
butano
dimetiléter (DME) (Dymel® A)
hidrofluoralcanos (tetrafluoretano - HFA 134a)
clorofluorcarbonados (CFCs) (Dymel®)
Tricloromonofluormetano (11)
Diclorotetrafluoretano (114)
Diclorodifluormetano (12)
hidrocarbonados
Retirados ou proibidos de uso se não forem essenciais
12/02/2014
3
1. gases liquefeitos 1. gases liquefeitos
1. gases liquefeitos
Gás propelente líquido é lacrado + concentrado de PA
equilíbrioliquefeita Vaporiza e ocupa parte superior da superfície
1. gases liquefeitos
1. gases liquefeitos
a) Sistemas bifásicos 1. gases liquefeitos
12/02/2014
4
b) Sistemas trifásicos 1. gases liquefeitos
CFC = mais denso que a água
HC = menos denso que a água, 
ex: propano, butano
1. gases liquefeitos
� Surfactantes
ácido oléico (aniônico)
cloreto de cetilpiridíneo (catiônico)
trioleato de sorbitano (não iônico)
•lubrificação de válvulas;
•estabilidade de “foaming aerosols”;
•emulsificação de propelente e fase aquosa em aerossóis de
emulsão;
•agente solubilizante.
1. gases liquefeitos
� co-solventes
água;
álcool (etanol, álcool isopropílico)
propilenoglicol
promove miscibilidade entre solventes e sistema propelente;
dissolve fármacos no solvente e sistema propelente
perfumes
flavorizantes
tamponantes
conservantes 
antioxidantes
� outros
1. gases liquefeitos
Gases comprimidos: nitrogênio (N2)
óxido nitroso (N2O)
dióxido de carbono (CO2)
Vantagem: comportamento inerte e proteção frente a 
oxidação; inodoro
- O gás comprimido no recipiente expande e permite a
dispensação da substância ativa
- Não há reservatório
2.
- Usos dos sistemas com GÁS COMPRIMIDO:
•CREMES DENTAIS
•PREPARAÇÕES PARA CABELOS
•ANTISSÉPTICOS E GERMICIDAS AQUOSOS
12/02/2014
5
Gases Liquefeitos Vantagem Desvantagem
Hidrocarbonado
(propano e butano)
Excelente solvente;
Não prejudicial à camada de 
ozônio;
Baixo custo.
Inflamável;
Toxicidade não conhecida para 
inalação;
Líquido de baixa densidade.
Clorofluorcarbonados Baixa toxicidade em inalação;
Excelente solvente (CFC 11);
Estabilidade química.
Alto custo;
Degradação da camada de ozônio;
Efeito estufa.
Hidrofluoralcanos
HFA (tetrafluoretano)
Baixa toxicidade em inalação;
Estabilidade química;
Não prejudicial à camada de 
ozônio.
Pobre solvente;
Alto custo.
Vantagem Desvantagem
Gases Comprimidos Baixa toxicidade em inalação;
Alta estabilidade química;
Alta pureza;
Baixo custo;
Ausência de problemas 
ambientais.
Requer uso de co-solventes não 
voláteis;
Queda de pressão do sistema 
durante o uso;
Sistemas de aerossóis
• Pressão controlada por:
� tipo e quantidade de propelente
� natureza e quantidade de material,
incluindo o concentrado
� Aerossol – Válvula e gás propelente:
Válvulas dos aerossóis transformam o concentrado/propelente
no produto final de características desejadas
- características do jato
- dosagem
- aplicação do produto
- imagem do produto
Propelente: - expelir o produto
- meio de dispersão
Tamanho da gotícula ou da partícula
Tratamento da vias aéreas ou sistêmico
• Atomizadores especiais: contém proporção maior de 
propelentes (85%) – maior pressão
desinfetantes, desodorantes para ambientes e 
inseticidas.
pressão entre 30 e 40 psi
< 50 µm
• Atomizadores de superfície ou de cobertura: aerossóis 
dermatológicos (30-70% de propelente)
Desodorantes; atomizadores de laquê, espumas de 
barba, pesticidas, produtos de limpeza, etc.
* Aerossóis espuma- 6-10% propelente => emulsões
Ex: Hidrocarbonetos fluorados - apolares
12/02/2014
6
• Propelente
• Recipiente 
• Válvula (aspersão contínua e dosadoras)
• Fármaco 
Componentes do aerosol
Características:
Recipiente e válvula: suportar pressão exigida, resistentes a corrosão e a válvula
deve contribuir para a forma em que o produto será aspergido.
Tipos:
⇒ Vidro (sem revestimento ou revestido com plástico);
⇒ Metal (aço estanhado, alumínio e aço inoxidável)
⇒ Plásticos
12/02/2014
7
12/02/2014
8
Acondicionamento, rotulagem, embalagem
Acondicionamento é parte do processo de produção;
Armazenamento deve ser longe do calor;
Agitação antes do uso, ângulo/distância correta;
Manter a tampa protetora (sujeira).