A Administração de Recursos Humanos e sua evolução
23 pág.

A Administração de Recursos Humanos e sua evolução


DisciplinaAdministratação de Recursos1 materiais7 seguidores
Pré-visualização3 páginas
Administração de 
Recursos Humanos
A Administração de Recursos Humanos e sua evolução
Material Teórico
Responsável pelo Conteúdo:
Profa. Ms. Cristiane Gomes de Carvalho Fontana 
Revisão Textual:
Profa. Dra. Patricia Silvestre Leite 
5
\u2022 A Administração de Recursos Humanos e sua evolução
\u2022 As Fases da Administração de 
Recursos Humanos
\u2022 Modelos de Gestão de Pessoas: Características e 
Componentes 
Aqui vão algumas dicas para que você aproveite ao máximo a disciplina:
\u2022 Leia atentamente o conteúdo da disciplina;
\u2022 Alguns textos e curiosidades sobre a área de Recursos Humanos serão indicados 
durante sua leitura, aproveite para interagir com todos eles.
\u2022 Não deixe de participar do fórum de discussão e de todas as atividades propostas.
 
 Atenção
A sua participação ativa nessas atividades fará com que seu aprendizado se potencialize. 
Organize-se e aproveite!
 · Nesta unidade apresentaremos os principais objetivos da 
Gestão de Recursos Humanos, sua evolução ao longo do 
tempo e a mudança de papel do profissional de RH. 
A Administração de Recursos Humanos 
e sua evolução
\u2022 A mudança no Papel e Perfil dos profissionais de 
Recursos Humanos
6
Unidade: A Administração de Recursos Humanos e sua evolução
Contextualização
A Área de Recursos Humanos deixou de ser um mero departamento de pessoal para se tornar 
peça chave de transformações dentro de uma organização. Há pouco tempo, o departamento 
de recursos humanos atuava de forma mecanicista na qual ao empregado cabia a obediência 
e a execução da tarefa, e ao chefe, o controle centralizado. Hoje, o cenário é diferente: os 
empregados são chamados de colaboradores e os chefes de gestores. Pode-se afirmar que 
gerir pessoas não é mais um fator de uma visão mecanicista, sistemática, metódica, ou mesmo 
sinônimo de controle, tarefa e obediência.
Leia mais em: http://goo.gl/fvY34f
Porém, muita coisa mudou! 
Para Pensar
Quantas vezes você ouviu alguém se referir a área de Recursos Humanos apenas como \u201caquele setor 
que faz a folha de pagamento, que contrata ou demite os funcionários?\u201d 
Muitas? 
Esta é uma visão corrente, marcada pela história dessa área.
7
O movimento da administração científica ou escola clássica teve como principais representantes 
o americano Taylor e o francês Fayol e apresentava a ideia da otimização dos processos. Neste 
período, o trabalhador era considerado um \u201cinstrumento\u201d a mais na busca de resultados (cf. 
MARRAS, 2011). Para que se produzisse mais, eram necessárias pessoas que se dedicassem ao 
trabalho, em longas jornadas que podiam chegar a 18 horas diárias! 
Você sabia que o dia do trabalho, comemorado 
em 01 de maio, foi escolhido para homenagear 
operários que participavam de uma greve para 
reivindicar a redução da jornada de trabalho para 
oito horas, em Chicago, nos EUA, em 1886?
Nessa manifestação, em conflitos com a polícia, 
12 operários morreram e diversos ficaram feridos.
Para saber mais acesse o endereço eletrônico http://goo.gl/Bg4DBL ou 
consulte: PONTELO, J.; CRUZ, L. Gestão de Pessoas: manual de rotinas 
trabalhistas. 4.ed. Brasília: Senac/DF, 2011.
Neste período, alguém precisava contratar, controlar faltas e atrasos, fazer a folha de 
pagamento, demitir, ou seja, \u201ccontabilizar\u201d todas as informações relacionadas aos empregados. 
No início, era esse o papel da área de Recursos Humanos (RH). 
Mas, muita coisa mudou.
As atividades ligadas ao RH, que antes eram apenas operacionais, ampliaram-se, sofrendo 
muitas alterações, influenciadas por questões como:
A Administração de Recursos Humanos e sua evolução
Você Sabia ?
Gravura de 1886 sobre os protestos de Chicago
8
Unidade: A Administração de Recursos Humanos e sua evolução
Criação das leis trabalhistas;
Mudanças culturais;
Avanços tecnológicos;
Novas formas de gestão;
Responsabilidade empresarial;
Diversidade na força de trabalho; entre outros.
Figura 1: Questões que influenciaram as mudanças na Administração de Recursos Humanos
Fonte: Elaborado pela autora
Agora, quero convidar você a conhecer estas mudanças.
9
Podemos considerar que a Administração de Recursos Humanos passou por cinco fases para 
chegar ao que conhecemos hoje. Veja a figura 2:
Figura 2: Fases Evolutivas da gestão de pessoal
Fonte: MARRAS, 2011
\u2022 Fase Contábil \u2013 antes de 1930
Caracteriza-se pela forte preocupação com os custos, portanto era fundamental um rígido 
controle em registrar as entradas e saídas relacionadas à mão de obra.
De acordo com França (2011), no Brasil, esta fase também é conhecida como período 
pré-jurídico-trabalhista, pois ainda não havia sido elaborada a legislação trabalhista no país. 
Fazia parte da mão de obra dessa época mulheres e crianças que trabalhavam em condições 
extremamente precárias. 
Neste momento, surge a função de chefe de pessoal.
A figura 3 apresenta as principais funções do chefe de pessoal, que envolvia, principalmente, 
controlar a movimentação de funcionários, contabilizando diversas atividades.
 
As Fases da Administração de Recursos Humanos
10
Unidade: A Administração de Recursos Humanos e sua evolução
Figura 3: Principais funções do chefe de pessoal no período contábil
Fonte: Baseado em Marras, 2011
Como vimos na figura 3, suas atividades eram basicamente de controle.
O chefe de pessoal trabalhava em um ambiente onde era exigida pouca qualificação do 
empregado. Sua preocupação centrava-se em controlar entradas e saídas de funcionários, faltas 
e atrasos e efetuar os pagamentos. 
Além disso, precisavam relatar irregularidades, advertir e demitir, ações consideradas 
punitivas. Também eram vistos como \u201cpróximos do patrão\u201d. Por isso, essa função, geralmente, 
era percebida com muita desconfiança pelos funcionários. 
\u2022 Fase Legal \u2013 de 1930 a 1950
A fase legal ou período burocrático inicia-se com a criação das leis trabalhistas. Era necessário 
conhecer e aplicar corretamente todas as regras e normas jurídicas impostas pela Consolidação 
das Leis do Trabalho (CLT) que o presidente Getúlio Vargas acabara de implantar. 
 
 Explore
Para acessar a CLT visite o site http://www.trt2.jus.br/legislacao/clt-dinamica 
11
Antes deste período o poder estava centralizado nas mãos dos chefes de produção. A partir da 
vigência da CLT, o poder vai para as mãos dos chefes de pessoal, pois eram eles que detinham 
o conhecimento, ou seja, tinham o domínio das regras e normas recém-criadas.
Figura 4: Principais funções do chefe de pessoal no período legal
Fonte: Baseado em Marras, 2011 e França, 2011.
 
Glossário
Absenteísmo - Pessoa que falta ao trabalho, à escola etc. Que vive ou está, via de 
regra, ausente.
Nota da autora: No RH, o termo se refere a ausência no trabalho, somando-se as faltas 
e os atrasos.
 
 Explore
Conheça outros termos, siglas e palavras estrangeiras da área de Recursos Humanos acessando 
http://www.guiarh.com.br/dicionario.htm
12
Unidade: A Administração de Recursos Humanos e sua evolução
\u2022 Fase Tecnicista \u2013 de 1950 a 1965
O período tecnicista é marcado pela implantação das grandes indústrias no Brasil, 
principalmente a automobilística. Uma nova realidade surge, pois as empresas necessitavam de 
mão de obra preparada para suas linhas de produção.
Como atender a essa nova demanda?
A denominação chefe de pessoal é substituída por Gerente de Relações Industriais (GRI), 
cuidando de aspectos burocráticos e puramente operacionais. O GRI precisava garantir que 
estas novas empresas recebessem a mão de obra necessária à sua sobrevivência.
É nesta fase que a Administração de Recursos Humanos passou a adotar os sistemas 
de treinamento, recrutamento e seleção, cargos e salários, departamento pessoal, higiene e 
segurança do trabalho, benefícios e