Pratica De Ensino: trajetória da práxis
22 pág.

Pratica De Ensino: trajetória da práxis


DisciplinaPráticas de Ensino65 materiais128 seguidores
Pré-visualização5 páginas
1 
 
PRÁTICA DE ENSINO: TRAJETÓRIA DA PRÁXIS 
2 
 
Wanderlei Sérgio da Silva 
Doutor em Geociências e Meio Ambiente pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita 
Filho \u2013 Unesp, mestre em Ciências (Geografia Humana) e graduado em Geografia pela 
Universidade de São Paulo \u2013 USP. Durante quinze anos, trabalhou no Instituto de Pesquisas 
Tecnológicas do Estado de São Paulo \u2013 IPT, com pesquisas relacionadas às geociências e ao meio 
ambiente. Atuou como consultor em trabalhos da área durante seis anos, totalizando cerca de cem 
projetos de pesquisa, em muitos deles atuando como coordenador de equipe. Em 2001, ingressou 
na Universidade Paulista \u2013 UNIP, onde lecionou disciplinas do curso presencial de Turismo 
relacionadas à geografia, ao meio ambiente e ao planejamento, bem como disciplinas didático-
pedagógicas do curso presencial de Psicologia (licenciatura). 
Atualmente, é membro da Coordenadoria de Estágios em Educação e professor nos cursos de 
Letras e Matemática da UNIP Interativa, sendo responsável pelas disciplinas relacionadas a Prática 
de Ensino, Didática Geral, Estrutura e Funcionamento da Educação Básica e Planejamento e 
Políticas Públicas da Educação. 
 
Taíz Maria Caldas Gonçalves de Oliveira 
Formada em Magistério, graduada em Letras (Português/Inglês) e pós-graduada em 
Psicopedagogia Clínica e Educacional, com Formação em Educação a Distância. Há mais de 
quinze anos, atua como docente, carreira esta que teve início na educação infantil e prosseguiu no 
ensino das línguas portuguesa e inglesa em instituições educacionais particulares de educação 
básica \u2013 incluso o EJA \u2013, em curso preparatório para vestibulares e em cursos livres de idiomas, 
incluindo português para estrangeiros. É autora de poemas em antologia poética e de paradidáticos. 
Desenvolve trabalhos de orientação e correção de estágios na coordenadoria de estágios em 
educação. 
 
 
 
Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) 
© Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta obra pode ser reproduzida ou transmitida por 
qualquer forma e/ou quaisquer meios (eletrônico, incluindo fotocópia e gravação) ou arquivada em 
qualquer sistema ou banco de dados sem permissão escrita da Universidade Paulista. 
 
 
3 
 
Prof. Dr. João Carlos Di Genio 
Reitor 
Prof. Fábio Romeu de Carvalho 
Vice-Reitor de Planejamento, Administração e Finanças 
Profa. Melânia Dalla Torre 
Vice-Reitora de Unidades Universitárias 
Prof. Dr. Yugo Okida 
Vice-Reitor de Pós-Graduação e Pesquisa 
Profa. Dra. Marília Ancona-Lopez 
Vice-Reitora de Graduação 
 
Unip Interativa \u2013 EaD 
Profa. Elisabete Brihy 
Prof. Marcelo Souza 
Prof. Dr. Luiz Felipe Scabar 
 Prof. Ivan Daliberto Frugoli 
 
 
Material Didático \u2013 EaD 
Comissão editorial: Dra. Angélica L. Carlini (UNIP) Dra. Divane Alves da Silva (UNIP) Dr. Ivan Dias 
da Motta (CESUMAR) Dra. Kátia Mosorov Alonso (UFMT) Dra. Valéria de Carvalho (UNIP) 
Apoio: Profa. Cláudia Regina Baptista \u2013 EaD Profa. Betisa Malaman \u2013 Comissão de Qualificação e 
Avaliação de Cursos 
Projeto gráfico: Prof. Alexandre Ponzetto 
Revisão: Valéria Nagy Andréia Andrade 
4 
 
 
 
 
Prática de Ensino: Trajetória da Práxis 
Apresentação...............................................................................................................6 
1. Contextualização da atividade ..........................................................................7 
2. O papel da prática e do estágio na formação de 
professores...................................................................................................... 09 
3. Observação e ação na escola 
........................................................................................................................ 12 
4. Observação e ação na sala de 
aula.................................................................................................................. 15 
5. A importância da experiência 
vivenciada........................................................................................................17 
6. Aplicação dessa experiência 
........................................................................................................................ 18 
SUMÁRIO 
5 
 
Apresentação 
De modo geral, a disciplina Prática de Ensino: Trajetória da Práxis tem como 
objetivo levá-lo a reflexões sobre a trajetória percorrida no âmbito da dimensão 
prática do seu curso e colocá-lo em contato com novos conceitos. 
O processo de construção de sua identidade profissional desenvolve-se pela 
vivência e identificação das necessidades e expectativas da escola inseridas em um 
contexto educacional, social e cultural. Neste curso você é gradativamente 
preparado para selecionar e organizar dados de maneira crítica e reflexiva, de modo 
a possibilitar melhor a compreensão da prática docente. O processo atinge seu 
clímax com a realização do estágio curricular supervisionado, momento ideal para o 
início das reflexões básicas acerca da sua formação. 
6 
 
1 Contextualização da atividade 
É importante, neste momento, relembrar o contexto no qual esta atividade está 
inserida na dimensão prática do curso. Essa informação é passada em todos os 
livros-texto das disciplinas de Prática de Ensino, objetivando inseri-lo no contexto 
real da sua formação nesse particular, para que você \u201cnão se perca no meio do 
caminho\u201d. 
A Prática de Ensino está sendo desenvolvida em seis semestres, com atividades 
distribuídas por eles. Naturalmente deve haver uma articulação entre elas, 
perpassando todo o curso. 
 
As atividades relacionadas à Prática de Ensino são as seguintes: 
 
 
 
De modo geral, a Prática de Ensino: Trajetória da Práxis, ora em 
desenvolvimento, visa, prioritariamente, ao apoio necessário para que você 
complete a carga horária de estágio iniciada no semestre anterior. Adicionalmente 
estão previstas atividades que irão enriquecer sua formação e contribuir para a sua 
qualificação no exercício da docência, basicamente com a apresentação de uma 
reflexão sobre a trajetória seguida durante o estágio. 
 Lembrete 
A Prática de Ensino perpassa todo o curso de modo a 
 articular, na segunda metade, o estágio curricular supervisionado. 
 
Na Prática de Ensino: Introdução à Docência, o objetivo era levá-lo a perceber a 
existência da educação que está ao seu redor e que o acompanha por toda a vida, 
influenciando-o \u2013 e a todos que o rodeiam \u2013, não se restringindo ao ambiente 
escolar, ou seja, ocorrendo também em outros ambientes educativos. 
Em seguida, a Prática de Ensino: Observação e Projeto objetivou a análise dos 
termos \u201cobservação\u201d e \u201cprojeto\u201d, a fim de levá-lo a uma aproximação dessa 
educação que o rodeia, dirigindo o seu olhar à observação mais próxima das 
 
7 
 
escolas e de outros ambientes onde a educação ocorre (teatros, parques, ginásios 
de esporte etc.). Depois, foi solicitado a você que elaborasse um pequeno projeto 
pedagógico de integração entre um ambiente não escolar e uma escola. 
Unidade I 
Em Prática de Ensino: Integração Escola X Comunidade, o objetivo foi aproximá-
lo ainda mais da educação, por meio da observação e do estudo integrado entre 
uma unidade escolar e a comunidade onde ela está inserida. 
Na Prática de Ensino: Vivência no Ambiente Educativo, teve início o seu estágio 
de observação, participação e regência em unidades escolares. 
Agora, em Prática de Ensino: Trajetória da Práxis, o seu estágio será enriquecido 
com a reflexão sobre a trajetória seguida, visando ao término com qualidade e 
estímulo.
Rosilda
Rosilda fez um comentário
postam 2 atividade 2 alguém tem?
0 aprovações
Carregar mais