A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
Simulado legislação fiscal, trabalhista e previdenciária

Pré-visualização | Página 1 de 2

Disc.:​ ​LEGISLAÇÃO FISCAL, TRABALHISTA E PREVIDENCIÁRIA​ ​ ​ 
Aluno(a):​ ​HANNA CAROLINE GONÇALVES DINIZ 
Acertos:​ ​10,0​ de 10,0 10/09/2020 
 
 
 
 
1​a 
 ​Questão 
Acerto:​ ​1,0​ / ​1,0 
 
 
Alfredo foi contratado como PJ (pessoa jurídica) para prestar serviços como engenheiro 
em uma firma de engenharia. Laborava de segunda-feira à quinta-feira com horário de 
entrada e saída, era monitorado por um supervisor, recebia por semana e não podia se 
fazer substituir por alguém que contratasse. Em seu contrato constava cláusula 
expressa que dizia que se tratava de relação regida pelo Código Civil, afastando 
qualquer vínculo empregatício dele com a empresa. Assinale a opção correta: 
 
 
 
 Alfredo mantém uma relação de trabalho, mas não uma relação de emprego 
prevista na CLT. 
 Alfredo mantém uma relação de emprego, pois estão presentes os requisitos da 
pessoalidade, onerosidade, não eventualidade e subordinação. 
 Como Alfredo teve que constituir uma pessoa jurídica para ser contratado, isto 
afasta o requisito da pessoalidade (pessoa física), impedindo o reconhecimento 
de vínculo empregatício. 
 Alfredo mantém uma relação de prestação de serviços regida pelo Código Civil 
e pelo Direito Civil. 
 O contrato de Alfredo faz lei entre as partes e não pode ter a sua aplicação 
afastada com base no princípio da obrigatoriedade (pacta sunt servanda), já 
que assinado por ele. 
Respondido em 10/09/2020 14:12:18 
 
Explicação: 
Alfredo mantém uma relação de emprego, pois estão presentes os requisitos da 
pessoalidade, onerosidade, não eventualidade e subordinação. 
Resposta no Módulo 2. 
 
 
 
 
2​a 
Acerto:​ ​1,0​ / ​1,0 
 ​Questão 
 
 
Sobre o conceito de adicional de insalubridade e adicional de periculosidade, é 
incorreto afirmar: 
 
 
 
 Entendimento predominante é o de que não podem ser recebidos 
acumuladamente. 
 Adicional de periculosidade visa indenizar o trabalhador da exposição a 
agentes explosivos, inflamáveis ou à eletricidade. 
 Adicional de insalubridade visa indenizar o trabalhador da exposição a 
agentes químicos, físicos e biológicos em níveis nocivos à saúde. 
 Ainda que tais adicionais tenham por objetivo indenizar os empregados 
pelas condições de trabalho, possuem natureza salarial, se incorporando ao 
mesmo. 
 Como têm por objetivo indenizar os trabalhadores, não possuem natureza 
salarial e não se incorporam ao salário para nenhuma finalidade. 
Respondido em 10/09/2020 14:22:35 
 
Explicação: 
Como têm por objetivo indenizar os trabalhadores, não possuem natureza salarial e não se 
incorporam ao salário para nenhuma finalidade. 
Resposta está no Módulo 1. 
 
 
 
 
3​a 
 ​Questão 
Acerto:​ ​1,0​ / ​1,0 
 
 
São princípios de previsão constitucional aplicáveis à Previdência Social, exceto: 
 
 
 
 Uniformidade e equivalência dos benefícios para populações urbanas e rurais. 
 Diversidade da base de financiamento. 
 Equidade no custeio. 
 Irredutibilidade do valor dos benefícios. 
 Anterioridade de exercício. 
Respondido em 10/09/2020 14:27:40 
 
Explicação: 
Anterioridade de exercício. 
Resposta está no Módulo 2. 
 
 
 
 
4​a 
 ​Questão 
Acerto:​ ​1,0​ / ​1,0 
 
 
Quem ingressa no sistema previdenciário brasileiro após a Reforma da Previdência 
de 2019 deve observar certos requisitos para o gozo de benefícios. As condições 
para obter uma aposentadoria programada estão elencadas abaixo, havendo, no 
entanto, uma alternativa errada. Qual das opções a seguir não é um requisito de 
aposentadoria programada para quem ingressa no sistema depois da EC 103/19? 
 
 
 
 240 contribuições a título de carência para homens. 
 65 anos de idade para homens. 
 62 anos de idade para mulheres. 
 180 contribuições a título de carência para mulheres. 
 Ser acometido de moléstia que incapacita de forma permanente para a 
vida laborativa. 
Respondido em 10/09/2020 14:27:28 
 
Explicação: 
Ser acometido de moléstia que incapacita de forma permanente para a vida 
laborativa. 
Resposta está no Módulo 1. 
 
 
 
 
5​a 
Acerto:​ ​1,0​ / ​1,0 
 ​Questão 
 
 
A competência para instituir a contribuição para custeio do serviço de iluminação 
pública cobrada nas faturas de consumo de energia elétrica é: 
 
 
 
 estadual. 
 municipal. 
 da União. 
 da Concessionária do Serviço de Fornecimento de Energia Elétrica. 
 da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). 
Respondido em 10/09/2020 14:28:07 
 
Explicação: 
municipal. 
A resposta está no Módulo 2. 
 
 
 
 
6​a 
 ​Questão 
Acerto:​ ​1,0​ / ​1,0 
 
 
A lei que veicula a norma tributária impositiva deverá conter os aspectos indispensáveis 
para que se possa determinar o surgimento e o conteúdo da obrigação tributária. Sobre 
tais aspectos, julgue os itens a seguir: 
I. Aspecto material: descrição da situação geradora da obrigação tributária. 
II. Aspecto espacial: em que a ocorrência da situação geradora da obrigação tributária 
será relevante. 
III. Aspecto temporal: quando se deve considerar ocorrida a situação geradora da 
obrigação tributária. 
IV. Aspecto pessoal: quem está obrigado ao pagamento (sujeito passivo), e em favor de 
quem (sujeito ativo). 
V. Aspecto quantitativo: qual o montante devido da obrigação tributária. 
Estão corretos: 
 
 
 
 Apenas os itens III, IV e V 
 Apenas os itens I, IV e V. 
 Apenas os itens I, III, IV e V 
 Os itens I, II, III, IV e V 
 Apenas os itens I, II e V 
Respondido em 10/09/2020 14:29:42 
 
Explicação: 
Os itens I, II, III, IV e V 
Resposta está nos Módulos 1 e 3. 
 
 
 
 
7​a 
 ​Questão 
Acerto:​ ​1,0​ / ​1,0 
 
 
Sobre assédio moral, assinale a alternativa que apresenta informação incorreta: 
 
 
 
 O assédio moral hierárquico pode ser vertical descendente, quando do superior 
hierárquico contra o inferior hierárquico, mas também vertical ascendente, 
quando do inferior hierárquico contra o superior hierárquico. 
 É considerada uma prática ilícita, gerando direito do trabalhador assediado ser 
indenizado por danos morais e eventuais danos materiais que venha a sofrer. 
 É um conjunto de práticas e ações que podem ser humilhantes, degradantes e 
que atingem a autoestima do trabalhador, ainda que sem a intenção por parte 
do assediador de causar tal dano. 
 É caracterizado por uma prática reiterada no tempo. 
 O assédio organizacional não é aceito pelo Direito brasileiro. 
Respondido em 10/09/2020 14:30:14 
 
Explicação: 
O assédio organizacional não é aceito pelo Direito brasileiro. 
Resposta está no Módulo 3. 
 
 
 
 
8​a 
 ​Questão 
Acerto:​ ​1,0​ / ​1,0 
 
 
Alfredo foi obrigado a vender parte das suas férias na forma de abono. Assinale a 
opção correta: 
 
 
 
 O empregador tem plena liberdade para dizer quando e como o empregado 
vai gozar de suas férias. 
 Se Alfredo vendeu tão somente 1/3 das férias, nada está incorreto. 
 Alfredo não pode ser obrigado a vender parte de suas férias, devendo 
receber por elas em dobro. 
 Após a edição da Lei nº 13.467/17, o empregador pode obrigar Alfredo a 
vender suas férias, desde que melhor remunerado. 
 Alfredo não pode ser obrigado a vender parte de suas férias, mas não há 
sanção cabível ao empregador além de indenização por danos morais. 
Respondido em 10/09/2020 14:39:06 
 
Explicação: 
Alfredo não pode ser obrigado a vender parte de suas férias, devendo receber por elas em 
dobro. 
Resposta está no Módulo 2. 
 
 
 
 
9​a