A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
13 pág.
Quiz Sistemas de Distribuição 2

Pré-visualização | Página 1 de 2

Pergunta 1 
1 em 1 pontos 
 
 
(...) “O crescimento da economia brasileira, aliado 
à expansão do comércio eletrônico, deu nova 
dimensão ao volume interno, que hoje cresce mais 
que o internacional” diz o consultor. (...) “A 
logística das encomendas expressas é uma 
atividade de alta complexidade operacional, mas 
também proporciona as melhores margens para 
as prestadoras”, diz (...) 
Fonte: Revista Valor Econômico S/A, Setorial 
Logística, p. 80-81, abr., 2012. Encomendas 
Expressas por Jacílio Saraiva. 
Qual a complexidade exigida dos transportadores 
que operam no transporte de cargas expressas 
para o comércio eletrônico? 
 
 
Resposta Selecionada: a. 
Para atender com 
rapidez é necessário 
ter instalações 
próximas a grandes 
centros de consumo 
onde o volume de 
entregas é maior, 
isso diminui o tempo 
de atendimento e o 
cliente recebe mais 
rápido. 
Respostas: a. 
Para atender com 
rapidez é necessário 
ter instalações 
próximas a grandes 
centros de consumo 
onde o volume de 
entregas é maior, 
isso diminui o tempo 
de atendimento e o 
cliente recebe mais 
rápido. 
 
b. 
Cargas expressas 
exigem maior 
volume de pessoas 
trabalhando na 
separação dos 
produtos para 
entrega imediata. 
 
c. 
Não há necessidade 
de armazenagem, 
uma vez que as 
cargas chegam e 
saem rapidamente, 
pois são expressas. 
 
d. 
O crescimento do 
poder aquisitivo das 
pessoas faz com que 
o consumo de 
produtos 
industrializados 
cresça rapidamente, 
pois pessoa com 
mais dinheiro se 
torna mais 
consumista e 
exigente. 
 
Pergunta 2 
1 em 1 pontos 
 
 Algumas empresas utilizam o transporte por via 
marítima para entregarem seus produtos para os 
seus clientes. De acordo com as características 
deste modal, escolha um tipo de carga que seria 
mais indicada. 
 
 
Resposta Selecionada: c. 
100 toneladas de 
soja a granel. 
Respostas: a. 
1.000 unidades de 
aparelhos celular de 
última geração. 
 
b. 
3 órgãos para 
transplante. 
 
c. 
100 toneladas de 
soja a granel. 
 
d. 
80 dúzias de rosas 
vermelhas para 
venda. 
 
Pergunta 3 
1 em 1 pontos 
 
 “Ampliar a competitividade no segmento 
rodoviário requer maior integração de modais. Os 
operadores são categóricos em dizer que 
transporte por distâncias muito longas em 
caminhões não compensa ninguém, 
especialmente quando o valor agregado da carga 
é baixo. O ideal é utilizar o caminhão para última 
milha e deixar os trajetos longos para trens, navios 
e barcas.” 
( Revista Valor Setorial Logística, abril 2012, pág. 
38) 
Por que o modal rodoviário não é indicado para 
grandes distâncias? 
Resposta Selecionada: c. 
O transporte rodoviário 
não possui uma 
capacidade de carga 
grande, diante de 
modais como o 
ferroviário, ou mesmo 
o aquaviário. Não há a 
economia de escala e 
o frete por unidade 
transportada não é 
competitivo. 
Respostas: a. 
O modal rodoviário 
tem como 
características 
principal a 
completabilidade da 
rota, ou seja, é o único 
que faz a entrega 
porta a porta. 
 
 
 
b. 
Devido ao valor 
agregado carga, é 
indicado apenas para 
cargas perecíveis, 
devido aos cuidados 
que esta carga exige 
 
 
 
c. 
O transporte rodoviário 
não possui uma 
capacidade de carga 
grande, diante de 
modais como o 
ferroviário, ou mesmo 
o aquaviário. Não há a 
economia de escala e 
o frete por unidade 
transportada não é 
competitivo. 
 
d. 
Somente produtos 
com alto valor 
agregado é que 
indicado para o 
transporte por 
rodovias devido ser 
um dos modais mais 
caros e também 
devido aos altos 
custos ambientais o 
transporte por 
rodovias não é 
indicado para grandes 
distâncias. 
 
 
 
Pergunta 4 
1 em 1 pontos 
 
 Por qual (is) razão (ões) uma indústria não vende 
os produtos que fabrica, preferindo vender ao 
atacadista ou ao varejista? 
 
 
 
Resposta Selecionada: a. 
Porque talvez ela 
fosse ter que vender 
também produtos de 
concorrentes para 
ser economicamente 
viável. 
Respostas: a. 
Porque talvez ela 
fosse ter que vender 
também produtos de 
concorrentes para 
ser economicamente 
viável. 
 
b. 
Para justificar o 
investimento em 
instalações a 
empresa precisa ter 
um volume de 
vendas que garanta 
um retorno sobre os 
investimentos. 
 
c. 
Para conseguir 
vender sues próprios 
produtos, a indústria 
precisaria trabalhar 
com lojas muito 
pequenas que, 
talvez, não seriam 
atrativas. 
 
d. 
Todas as questões 
estão corretas. 
 
Pergunta 5 
1 em 1 pontos 
 
 Natura entra no varejo e se prepara para vendas 
na web. 
SÃO PAULO - A Natura se prepara para quebrar 
em 2013 um tabu que já dura quase quatro 
décadas: a venda dos seus produtos no varejo. 
A empresa está fora desse mercado desde 
1974, quando decidiu fechar a loja que deu 
origem à marca para apostar no porta a porta. 
Essa estratégia será combinada com um projeto 
mais agressivo para o e-commerce. O avanço 
vem logo após um movimento de O Boticário 
que, em 2012, pôs os dois pés no território que 
sempre foi da Natura: hoje, a empresa 
curitibana é uma das cinco maiores na venda 
direta, segundo dados não oficiais. (...) 
 
 
Fonte: Jornal O estado de São Paulo. Disponível 
em: 
http://economia.estadao.com.br/noticias/nego
cios-geral,natura-entra-no-varejo-e-se-prepara-
para-vendas-na-web,146710,0.htm. Acesso em: 
3 abr. 2013 
Resposta Selecionada: a. 
É visível o esforço 
que as empresas 
fazem no sentido de 
buscar um 
crescimento nas 
vendas, optando por 
mudanças nos seus 
canais de venda. 
Respostas: a. 
É visível o esforço 
que as empresas 
fazem no sentido de 
buscar um 
crescimento nas 
vendas, optando por 
mudanças nos seus 
canais de venda. 
 
b. 
A Natura mostra que 
é uma marca muito 
mais forte e lucrativa 
do que O Boticário, 
pois até o momento 
só vendeu por 
catálogos. 
 
c. 
O Boticário consegue 
ser mais eficaz que a 
Natura por causa de 
suas lojas de varejo. 
 
d. 
Criar uma estrutura 
física para vender 
produtos pode gerar 
altos custos que 
tornem a decisão 
inviável. 
 
Pergunta 6 
1 em 1 pontos 
 
 Muitas empresas optam por transportadores 
terceirizados para entrega de seus produtos ao 
cliente final, porém há que se ter alguns cuidados 
porque: 
http://economia.estadao.com.br/noticias/negocios-geral,natura-entra-no-varejo-e-se-prepara-para-vendas-na-web,146710,0.htm
http://economia.estadao.com.br/noticias/negocios-geral,natura-entra-no-varejo-e-se-prepara-para-vendas-na-web,146710,0.htm
http://economia.estadao.com.br/noticias/negocios-geral,natura-entra-no-varejo-e-se-prepara-para-vendas-na-web,146710,0.htm
 
 
Resposta Selecionada: c. 
a empresa 
contratante, quando 
transfere sua 
atividade de 
transporte a terceiros, 
pode perder o controle 
sobre seu cliente, 
caso não mensure 
constantemente os 
serviços prestados 
pela transportadora. 
 
 
Respostas: a. 
um transportador 
pode se tornar seu 
concorrente porque 
conhece todos os 
seus clientes. 
 
b. 
pode ocorrer extravio 
de carga ou outro 
problema que 
comprometa a 
lucratividade da 
empresa. 
 
 
 
c. 
a empresa 
contratante, quando 
transfere sua 
atividade de 
transporte a terceiros, 
pode perder o controle 
sobre seu cliente, 
caso não mensure 
constantemente os 
serviços prestados 
pela transportadora. 
 
 
 d. 
o cliente final pode 
não ficar satisfeito 
caso a entrega seja 
feita por empresas 
estranhas e não 
aquela em que 
comprou. 
 
Pergunta 7 
1 em 1 pontos 
 
 “Uma embalagem de proteção, num processo de 
transporte, pode garantir que o produto não seja 
avariado nem danificado nos constantes 
processos de carregamento, descarregamento e 
manuseio nos locais por onde ele precisa se 
deslocar. Ao mesmo tempo que facilita o 
processo, também pode onerá-lo, com maiores 
custos”. 
Qual das alternativas se encaixa melhor para dar 
continuidade a frase. 
 
 
Resposta Selecionada: d. 
Trata-se de uma troca 
compensatória que a 
empresa

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.