Artigo - RELATÓRIO DE ESTAGIO SUPERVISIONADO
5 pág.

Artigo - RELATÓRIO DE ESTAGIO SUPERVISIONADO


DisciplinaPráticas Profissionais45 materiais206 seguidores
Pré-visualização2 páginas
1
2
RELATÓRIO DE ESTAGIO SUPERVISIONADO
REPORT OF SUPERVISED INTERNSHIP
Eduardo Titon¹
João Roberto Teixeira²
Resumo
O estágio supervisionado foi realizado na empresa Copercampos \u2013 Cooperativa Regional Agropecuária de Campos Novos, na área da Controladoria. A oportunidade de estágio me proporcionou uma ótima experiência pré-profissional possibilitando a integração entre a teoria e a prática aprendida em três anos de curso, através desse contado com a organização que foi realizada com êxito, mostrando que esse período de exercício, que está previsto em currículo, é de extrema importância para que o estudante desenvolva atitudes fundamentais e indispensável para seu futuro profissional. A pesquisa de campo teve como objetivo complementar a formação acadêmica no curso de Técnico Em Administração.
Palavras-Chave: estágio, pré-profissional, futuro profissional.
Abstract: The supervised training was conducted at company Copercampos - Cooperativa Regional Agropecuária de Campos Novos, in the area of the Comptroller. The internship opportunity provided me with a great pre-professional experience enabling integration between theory and practice learned in three years of course, through this contact with the organization that was successful, showing that this exercise period, provided that this curriculum, it is extremely important for the student to develop fundamental and attitudes essential for their future careers. The field research was intended to supplement academic coursework in Technical Management.
Word Keys: stage, pre-professional, professional future.
_____________________
¹Estudante do curso de Técnico em Administração da Escola de Educação Básica Coronel Gasparino Zorzi. eduardotiton@gmail.com
²Professor da Escola de Educação Básica Coronel Gasparino Zorzi do curso Técnico em Administração, formação acadêmica em Gestão de Agronegócios e Administração \u2013 UNOESC. teixeira9jr@htomail.com
1 INTRODUÇÃO
	O presente estudo tem por objetivo principal trazer explicações inerentes ao estágio supervisionado, este artigo visa esclarecer de forma simplificada como foi a minha aprendizagem e atividades desenvolvidas dentro da empresa.
	Dentro da empresa, no setor em que estagiei, tive vários orientadores onde quase todos eles me passaram de forma simplificada o que cada um tem como obrigações, deveres e responsabilidades. E ainda me passaram atividades para serem desenvolvidas.
	A oportunidade de estágio me proporcionou uma melhor percepção de como é o mercado de trabalho em si, de sempre ser competente e ter bastante atenção no que você faz dentro da empresa, sempre admitir seus erros e crescer com eles.
2 ATIVIDADES DESENVOLVIDAS
Conferência de canhotos de notas fiscais.
	Conferir canhotos de NF de todas as Filiais e Matriz da empresa se a ordem de numeração está correta, se as emissões estão certas (emissões normais, canceladas, inutilizadas e denegadas) conforme no relatório emitido pelo sistema eletrônico, conferir se a seqüência de numeração está fechando com a da semana passada e mês passado.
Conferência do movimento das vendas \u2013 redução Z.
	Conferência dos impostos deduzidos e da venda líquida das vendas do dia conforme o relatório eletrônico.
Conferência de notas fiscais de transferência. 
	Conferência de recursos materiais que são transferidas de uma filial para outra, ou de filial para matriz e vice-versa.
Arquivo de canhotos de notas fiscais.
	Trocar canhotos não assinados, por outro que está assinado por quem requisitou serviço ou produto da empresa.
Arquivo de notas fiscais de transferência.
	Depois de lançadas as notas fiscais de transferência, separação por lote e dia de cada uma delas.
Arquivamento de documentos.
	Colocar documentos de vários tipos (ECF\u2019s, Caixas, Canhotos NF, entre outros) em caixas de arquivos, para no final do ano serem levados para o arquivo morto.
	Para Prado (1986, p.4) o arquivo serve de instrumento principal de controle à ação administrativa de qualquer empresa, seja ela privada ou pública. Abriga documentos resultantes de uma atividade sendo estes conservados como comprovantes. Quando bem organizados , transmitem ordens, evitando repetições desnecessárias de experiências, diminuindo a duplicidade de trabalho, revelando o que está para ser feito e os resultados obtidos. Constitui, ainda, fonte de pesquisa para todos os ramos administrativos e auxilia o administrador na teoria na tomada de decisões.
Levantamento de imobilizado e processo de imobilização
	Levantamento de bens já adquiridos pela empresa. E imobilização de novos bens adquiridos pela empresa e colocado uma plaquinha com sua numeração, para depois serem lançados no sistema da empresa.
	As unidades do ativo imobilizado deverão ser numeradas quando instaladas, a fim de facilitar a sua identificação. Se porventura isso não tiver sido feito desde o início das operações, poderá ser feito à medida que os inventários físicos forem sendo programados. (FRANCISCHINI e GURGEL, 2002 p.11).
Separação de documentos.
	Separar documentos por data, filial e tipo.
2.1 TABELA DE PORCENTAGEM DE ATIVIDADES DESENVOLVIDAS
	ATIVIDADES DESENVOLVIDAS
	PORCENTAGEM
	Conferência de canhotos NF
	25%
	Conferência do movimento das vendas \u2013 redução Z
	10%
	Conferência NF de transferência
	15%
	Arquivo de canhotos NF
	15%
	Arquivo NF de transferência
	10%
	Arquivo de documentos
	10%
	Levantamento de imobilizado e processo de imobilização
	5%
	Separação de documentos
	10%
	TOTAL
	100%
2.2 OBJETIVOS DO ESTÁGIO
	O objetivo é buscar novos conhecimentos, e como nós temos um diferencial dos outros, é sair mais bem estruturado para o mercado de trabalho. Assim o estágio nos proporcionou mais experiência e preparação para nossa profissional, uma espécie de aquecimento.
Roesch (1996, p. 21) apresenta que:
\u201cO estágio curricular não é simplesmente uma experiência prática vivida pelo aluno, mas uma oportunidade para refletir, sistematizar e testar, conhecimentos teóricos e ferramentas técnicas durante o curso de graduação.\u201d
2.3 APRESENTAÇÃO DA EMPRESA
	O projeto inicial era construir apenas um armazém para a produção de trigo e um frigorífico para abate de gado de corte \u2013 atividade de destaque no município naquela época.
	Fundada em 08 de novembro de 1970 por iniciativa de 100 produtores que acreditaram no projeto de constituição de uma cooperativa que é referência no setor agropecuário, a Copercampos \u2013 Cooperativa Regional Agropecuária de Campos Novos, tem hoje um quadro social superior a mil associados em diversos municípios dos Estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul.
MISSÃO: \u201cProduzir, industrializar e comercializar insumos e alimentos de qualidade, com tecnologia, rentabilidade e respeito ao meio ambiente, promovendo o desenvolvimento socioeconômico e cultural\u201d.
VISÃO: Empresa modelo de cooperação, referência no Agronegócio.
POLÍTICA DE QUALIDADE: As unidades de negócio da Copercampos e seus funcionários estão comprometidos com a melhoria na produção e comercialização de insumos, cereais e suínos, para a satisfação dos clientes, com tecnologia, capacitação, rentabilidade e responsabilidade social.
VALORES E CRENÇAS: Temos fé e acreditamos: Na providência divina, na força da união e da solidariedade, na parceria e na cooperação, numa melhor distribuição das riquezas geradas, no desenvolvimento socioeconômico e cultural do associado e sua família, na produção e industrialização profissional e competitiva, no profissionalismo e ética dos funcionários, no desenvolvimento tecnológico, na responsabilidade social e ambiental.
NEGÓCIO: Alimentos saudáveis gerando qualidade de vida.
3. CONSIDERAÇOES FINAIS
	O objetivo deste trabalho foi relatar experiências de trabalho vividas no período de estágio, com supervisão de profissionais da área que já atuam no mercado de trabalho.
	E a relação da teoria já aprendida em sala de aula com a prática, assim, obtendo o diferencial, na busca de ser um profissional qualificado que possa atender a demanda deste mercado