Alterações periapicais 29 10

Alterações periapicais 29 10


DisciplinaPropedeutica Odontologica I25 materiais137 seguidores
Pré-visualização1 página
Alterações periapicais \u2013 aula 29.10 - propedeutica
Pericementite: doença aguda; agente causal
1.1 Pode ser de origem endodontica = paciente vai dizer q doi qnd ele mastiga, o simples fato de ele abrir a boca e fechar, vai tocar antes e vai doer.(dor ocorre qnd é provocada), não vai ter dor no antagonista, mas pode ter.
1.2 caract radiografica = aumento do espaço onde esta o ligamento periodontal, pois existe uma inflamação, fibras ficam mais elasticas e há um edema, extrui o dente e com isso faz um aumento do espaço
Granuloma periapical: doença cronica; agente causal de baixa intensidade e de longa duração; produz tecido granulomatoso, igual uma verruga, pega um alfinete e vai irritando, havendo uma proliferação de tecido, granulomatoso, rico em fibras, vasos, celulas e substancia fundamental; granuloma vai estar crescendo enquanto o ag agressor esta estimulando. É um ag de defesa do organismo, fortemente aderido ao dente para evitar que essas toxinas se disseminem para o organismo. Pode ter um dente higido com um granuloma rompendo o feixe vasculo nervoso corta a irrigação da polpa, que vai morrer. dente sofreu um giro no alveolo no trauma. Capsula fibrosa de adere ao dente. Bact patogenica nao passa pelo organismo por conta do granuloma q protege o organismo. Origem endodontica, traumatica ou nao, tratamento de canal resolve (remover o agente causal), tira as bact tira o resto de tecido morto, limpa bem e automaticamente não existe mais a necessidade do organismo manter o granuloma para proteger pois nao tem mais nada para se proteger; com o passar do tempo o organismo vai se renovando. Granuloma nao causa a perda do apice, acontece apenas uma pequena reabsorção onde o granuloma se fixou. REB (recuperação do espaço biológico).
Cisto periapical: doença crônica; risogenese (formação da raiz \u2013 quais suas consequencias para o organismo) Em áreas com EGF, na superfície do tecido ósseo estimula-se a reabsorção, sem formação de novas camadas superficiais. Essa rede de epitélio interposta entre o osso e o dente no tecido ligamentar é conhecida como Restos Epiteliais de Malassez e deriva da apoptose da Bainha Epitelial de Hertwig. Os desenhos originais de Malassez representaram esses cordões e ilhotas epiteliais periodontais tal qual os analisamos microscopicamente nos dias de hoje. Como o tec epitelial é nutrido= é nutrido pelo tec conjuntivo; ep nao tem vasos sanguineos, suas celulas sao nutridas por meio da difusão. Nutrição fica periférica, longe do centro, as celulas do centro vao crescendo pois nao recebem nutrição e vem a morrer, necrosam. Há a formação de uma cavidade, a cavidade cistica, que dá origem ao cisto periapical. Se tratar o canal, nao vai desaparecer, não é igual ao granuloma; assintomático.
Abscesso periapical = agudo; ag agressor extremamente forte; dor contínua; pulsátil; dor intensa; espontânea; parúlide, via transóssea, 3 vias de drenagem de canal, 1. Canal, 2. Transligamentar, 3. Transóssea 
Abscesso cronico; tem saida p drenagem dos gases. nao tem dor; 
Sempre q eu tenho infecção eu tenho inflamação; qnd eu tenho inflamação, nem sempre eu tenho infeção.