A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
Simulado AV Gestão de segurança do trabalho

Pré-visualização | Página 2 de 2

cargo do
INSS.
 
 
Envolver danos materiais e extrapatrimoniais.
Respondido em 05/06/2021 11:14:00
 
 
Explicação:
Gabarito comentado: d). A opção reflete a realidade normativa da CLT, em
especial os arts. 223-A a 223-G e os arts. 186 e 932, III do Código Civil. São os
dispositivos que regulam a responsabilidade civil do empregador. Recentemente
a Reforma Trabalhista intentou melhor limitar a responsabilidade com os arts.
223-A a 223-G acima apontados.
 
 
Acerto: 0,0 / 1,0
A empresa Pegasus S/A, após ter sofrido procedimento investigatório, firmou Termo de Ajuste de Conduta -
 Questão9
a
 Questão10
a
TAC perante o órgão do Ministério Público do Trabalho, ajustando algumas obrigações de fazer com previsão
de multa por descumprimento. Entretanto, os termos do TAC não foram cumpridos. No que respeita à
execução do Termo de Ajuste de Conduta, é correto afirmar que:
será feita mediante ação trabalhista comum, processo de conhecimento, a ser ajuizada perante a Vara
do Trabalho competente para conhecer da matéria objeto do Termo de Ajuste de Conduta.
o membro do Ministério Público do Trabalho tem competência para executar, direta e exclusivamente,
os termos de ajuste de conduta, junto à Procuradoria da Justiça do Trabalho.
 para que o Termo de Ajuste de Conduta possa ser executado é necessário primeiramente que seja
protestado perante Cartório de Protesto e depois haja decisão judicial trabalhista outorgando-lhe a nat
reza de título executivo judicial.
nessa situação, não caberá execução, visto que o Termo de Ajuste de Conduta não é reconhecido como
título executivo, seja judicial ou extrajudicial.
 o Termo de Ajuste de Conduta é considerado título executivo extrajudicial, razão pela qual será
competente para a execução o Juiz do Trabalho que teria competência para o processo de
conhecimento relativo à matéria.
Respondido em 05/06/2021 11:13:30
 
 
Explicação:
Lei nº 7.347/1985
Art. 5o Têm legitimidade para propor a ação principal e a ação cautelar:
I - o Ministério Público;
§ 6° Os órgãos públicos legitimados poderão tomar dos interessados compromisso de ajustamento de sua
conduta às exigências legais, mediante cominações, que terá eficácia de título executivo extrajudicial.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
javascript:abre_colabore('38403','227326300','4635123064');