DIAGNOSTICO ORGANIZACIONAL
11 pág.

DIAGNOSTICO ORGANIZACIONAL


DisciplinaPsicologia Organizacional e Gestão de Pessoas134 materiais2.121 seguidores
Pré-visualização2 páginas
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS/2º SEMESTRE
DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL DA EMPresa alfa x ltda
 ALEGRETE/2013
Claudia ludtke de alencastro
denise pilar da silva
herna cecilia dos santos barcelos
juliene meneses
lara oliveira
maria izabelli leães
DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL DA EMPResa alfa x ltda
Trabalho apresentado ao Curso Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina
-Comportamento, Clima e Cultuta (1º semestre) \u2013 prof Elisete A.Z. de Oliveira/Gisleine Fregoneze - Metodologia Científica \u2013 prof Gisleine Fregoneze/MariluciaRicieri - Psicologia Organizacional e gestão de pessoas \u2013 prof Ana Celi Pavão e Mônica M. Silva
 Alegrete/2013
SUMÁRIO
Introdução..............................................................................03
Desenvolvimento...................................................................04
 2.1- Aspectos da estrutura organizacional.............................04
 2.2- Modos de gestão................................................................05
 2.3- Problemas identificados....................................................06
 2.4- Análise dos problemas identificados..............................07
 2.5- Sugestões de melhorias....................................................08
 3- Conclusão..............................................................................09
 Referências Bibliográficas.......................................................10
 
 
1-INTRODUÇÃO
 A produção textual apresentada aqui é um modelo de diagnóstico organizacional e foi elaborado a partir de entrevistas com funcionários da área administrativa, comercial e de prestação de serviços da empresa Alfa X LTDA, situada na cidade de Alegrete-RS, onde atua no ramo de comercio e prestação de serviços em energia elétrica, com especialização em eletrificação rural (energia elétrica da lavoura).
 O estudo realizado na empresa nos ajuda a compreender melhor como funciona as organizações de acordo com sua estrutura organizacional e traz a oportunidade de vivenciar a prática aliada com a teoria que foi estudada ate o momento.
Na empresa em questão, foi observada a sua rotina, relacionando teoria e prática, identificando fatores e práticas estratégicas da organização, bem como análise crítica e imparcial do resultado obtido com o trabalho desenvolvido.
 Os itens principais abordados nesta pesquisa foram: Aspectos da Estrutura Organizacional, os Modelos de Gestão, Identificação de Problemas Existentes, Análise Critica destes Problemas e Proposta de Sugestões para Melhorias.
 Tendo como objetivo principal a observação dos pontos fortes, pontos fracos, ameaças e oportunidades da mesma, através da análise SWOT, tendo como referência a visão dos colaboradores. Queremos demonstrar que um diagnóstico organizacional de características básicas é primordial para uma boa gestão levando em consideração sempre o conhecimento como fator fundamental.
2- DESENVOLVIMENTO
 A empresa Alfa X Ltda. é uma empresa familiar que atua no ramo de eletricidade há mais de 50 anos, sendo especializada no ramo de eletrificação rural, com duas sedes na cidade de Alegrete-RS. 
2.1- Aspectos da estrutura organizacional
 A empresa em foco é administrada por 02(dois) diretores que são sócios-proprietários e irmãos, onde um deles cuida da área administrativa e financeira e o outro da área comercial e técnica, tendo como assessores diretos suas esposas e filhos.
 Não existe na empresa um organograma formal, o que gera uma falta de descrição de cargos e funções, principalmente na área administrativa onde um dos proprietários exerce o comando das tarefas para seus colaboradores, mas não existe uma definição de funções. Todos fazem tudo, que é coordenado pelo chefe.
 Na área comercial o outro proprietário é quem executa as tarefas de vendas, acordo de negócios, compras, preços e prazos. E este mesmo também coordena as áreas de produção e prestação de serviços, onde sim acontece a distribuição e definição de funções, onde são delegadas responsabilidades a todos os membros da equipe, sendo todos coordenados pelo profissional técnico responsável juntamente com o proprietário .
 O setor de Recursos Humanos da empresa é responsabilidade do escritório de contabilidade, que presta assessoria à empresa, sendo auxiliado por um colaborador da empresa que é meio de ligação entre direção, contabilidade e colaborador, dando toda a assistência necessária para o bom desempenho do setor.
2.2- Modos de gestão
 As características do modelo de gestão da empresa é de uma liderança centralizadora,  tendo como aspecto principal, ser pró-ativo, mas, limitando à política de vendas e metas de mercado a serem atingidas passadas para os colaboradores, deixando de aplicar a transparência da missão e visão da instituição para os mesmos, tendo apenas formulados para o seu conhecimento, ocasionando com isso uma perda de identidade organizacional.
 Mesmo diante de tanta autoridade, a comunicação na empresa é informal e mesmo assim funciona de forma rápida, direta e eficaz e acontece sempre no inicio da jornada de trabalho, programando tarefas diárias e semanais, geralmente por telefone ou pessoalmente.
 O clima organizacional é um ambiente de harmonia, tranquilo e descontraído, onde todos se correspondem e equivalem, ou seja, são totalmente integrados e se tratam como bons amigos desenvolvendo um relacionamento de ajuda mútua contribuindo assim para o bom funcionamento das atividades. Os conflitos existentes, normais em qualquer grupo, são resolvidos momentaneamente e diretamente com os envolvidos. 
 A empresa não possui nenhum plano de estratégia de reconhecimento e incentivo de funcionários, e nem desenvolve nenhuma ação que contribua para o bem estar ou qualidade de vida no trabalho, mas sim fornece e exige que todos façam uso de EPIS \u2013 Equipamento proteção Individuais de segurança \u2013 por fazer parte da rotina de suas atividades o risco de vida no trabalho, pois, ela preocupa-se e prima pela segurança de seus colaboradores.
2.3- Problemas identificados
 Constatou-se que a empresa em foco, apesar de ser uma empresa consolidada no mercado em que atua, apresenta vários problemas e que a maioria deles é de caráter administrativo e funcional, básicos, aos quais listamos abaixo:
- Falta de Planejamento Estratégico e Organizacional;
- Administração Centralizadora;
- Ausência de um Organograma, com descrição de cargos e funções definidos;
- Deficiência no setor de Recursos Humanos, onde a seleção de pessoal é feita sem critérios específicos;
- Falta de Identidade Organizacional - Visão, Missão e Valores;
- Ausência de um Código de Ética;
- Plano de política salarial, treinamentos e qualificação de funcionários inexistentes; 
- Descaso para autonomia e criatividade dos colaboradores;
- Forte estresse gerado pela sobrecarga de atividades, principalmente em um dos gestores;
- Cultura organizacional arcaica, a empresa cresceu, mas não evoluiu, ainda vive e pensa com modelos administrativos ultrapassados;
- Gestão de pessoas fragilizada por falta de coordenação de um profissional.
2.4- Análise dos problemas identificados
 Analisando os problemas encontrados, podemos verificar que praticamente todos eles são originados por falta de uma estrutura organizacional e funcional, e que acaba criando uma desorganização de tarefas.
 A administração da empresa acontece de forma arcaica,
fabiana
fabiana fez um comentário
qual foi a sua nota neste trabalho?
8 aprovações
Carregar mais