Comunicação e Motivação nas Organizações
2 pág.

Comunicação e Motivação nas Organizações


DisciplinaMotivação319 materiais907 seguidores
Pré-visualização1 página
Sabemos que não existe o melhor estilo de liderança, porém existem algumas variáveis que indicam quais 
as melhores atitudes para o exercício da liderança num determinado momento. Sobre os estilos de liderança é 
correto afirmar. 
Quando necessitamos tomar decisões rapidamente, o estilo mais adequado é o liberal. 
Quando necessitamos tomar decisões com maior grau de comprometimento, o estilo mais 
adequado é o autocrático. 
Quando necessitamos tomar decisões rapidamente, o estilo mais adequado é o autocrático. v 
Quando necessitamos tomar decisões rapidamente, o estilo mais adequado é o democrático. 
Quando necessitamos tomar decisões com maior grau de comprometimento, o estilo mais 
adequado é o liberal. 
 
A teoria motivacional que leva em conta a capacidade individual de distinguir as forças motivadoras do 
desempenho, cabendo ao indivíduo uma maior autonomia e atitude em relação ao seu desempenho, não 
esperando apenas oportunidades externas para o atendimento das suas necessidades é conhecida como: 
Teoria X e Y 
Teoria dos Dois Fatores 
Teoria ERG 
Teoria das Expectativas 
Teoria das Necessidades 
 
Para McGregor, os funcionários que desejam progredir e se realizam por meio do trabalho e são capazes de 
dedicar-se para obter os melhores resultados são classificados pela: 
Teoria X 
Teoria dos dois fatores 
Teoria das necessidades 
Teoria Y 
Teoria das expectativas 
 
Uma das recomendação para promover o feedback é que ele seja baseado em fatos e dados. Isso privilegia: 
Que deve ser baseado em dados, desde que sejam de fontes oficiais do governo, tais como o IBGE. 
Que as informações utilizadas para dar o feedback devem ser referenciadas em algo concreto, que 
possa ser evidenciado. 
Que as informações repassadas devem ser referenciais em dados científicos. 
Que as informações repassadas devem ser baseadas em estatísticas científicas. 
Que deve ser baseado em fatos que alguma pessoa presenciou, mesmo que não consiga comprovar. 
 
Uma das forças motivacionais apresentadas por McClelland é baseada na força de vencer desafios, de 
conquistar objetivos audaciosos, de obter reconhecimento por algo que realizou, independente das conquistas 
materiais. Essa força refere-se à necessidade de: 
Afiliação 
Poder 
Segurança 
Realização 
Fisiológica 
 
A motivação tem sido um tema muito estudado pois ela tem uma relação direta com os ganhos de 
produtividade. Sobre a motivação é correto afirmar: 
A motivação é estática e nada dinâmica 
As pessoas quando estão motivadas, elas são intensas. 
O estado de motivação não tem relação com as diferentes situações 
Ela é invariável entre os indivíduos 
Ela ocorra da mesma forma entre todos os indivíduos 
 
A Teoria dos Dois Fatores, baseia-se na divisão entre fatores: 
Higiênicos e motivacionais 
Salários e benefícios 
Higiene e saúde 
Financeiros e econômicos 
Motivação e custos 
 
O estilo de liderança que é recomendado quando trata-se de decisões complexas, quando é necessário ter 
vários conhecimentos associados e quando o comprometimento da equipe é essencial para a obtenção dos 
resultados é o: 
Estilo Carismático 
Estilo liberal 
Estilo herói 
Estilo democrático 
Estilo autoritário 
 
Sobre o feedback positivo ocorrido nas organizações é possível afirmar: 
De preferência, que ele seja realizado perante todos os membros da equipe, assim desperta a 
vontade de crescimento de todos. 
Ela só favorece à pessoa que recebeu o feedback positivo 
O seu objetivo é valorizar ao máximo o que as pessoas tem de bom em detrimento às demais 
pessoas que não são muito boas. 
Pode favorecer as relações entre as pessoas, desde que seja realizado de forma verdadeira. 
Ele desperta sentimentos negativos entre os demais membros, mesmo que tenha sido realizada de 
forma confidencial 
 
Sabemos que o século XXI exige cada vez mais dos líderes e que eles possuem papel fundamental para 
atingir os resultados organizacionais. Diante deste contexto, podemos dizer que o papel do líder é: 
O exercício da liderança não é importante, mas sim, o trabalho em equipe. 
Sugerir salários maiores que o da concorrência para conseguir reter talentos. 
Focar cada vez mais nas habilidades pessoais, pois o importante é conhecimento pessoal, não 
importando o conhecimento da profissão. 
É influenciar pessoas para o alcance de objetivos. 
Focar cada vez mais nas habilidades técnicas, pois o importante é conhecimento técnico da 
profissão.
Joelma
Joelma fez um comentário
sim gostei dos materiais
0 aprovações
Carregar mais