AD1 MKT II 1º-20
2 pág.

AD1 MKT II 1º-20

Pré-visualização1 página
Avaliação a Distância \u2013 AD1 Período - 2020/1º Disciplina: Gestão de Marketing II Coordenador: Marco Antônio Ferreira de Souza
Margareth Ferreira da silva
Aula 1. Explique a relação entre estratégia de marketing e estratégia de negócios.
Estratégia de marketing, que é uma estratégia funcional, normalmente dá suporte à estratégia de negócios, que viabiliza a proposta competitiva. Segundo Hooley et al. (2001), a essência do desenvolvimento de uma estratégia de marketing assegura que as capacidades da empresa sejam compatíveis com o ambiente competitivo em que o mercado opera, não apenas hoje, mas em um futuro previsível. Além disso, essa relação entre as estratégias demonstra que uma estratégia de marketing detalhada, que avalia os pontos fortes e fracos, permite que a empresa defina seu objetivo de negócio
Aula 2. Sensibilidade ao preço. Explique por que os consumidores interpretam o preço de um produto de diferentes maneiras, isto é, por que são sensíveis a diferentes perspectivas.
Para entender essa sensibilidade é necessário entender os desejos e necessidades do consumidor/clientes, pois uns são mais sensíveis ao preço, visando lucro, enquanto que outros são mais sensíveis a qualidade do produto e aos benefícios sociais e pessoais a serem alcançados influenciados por uma série de fatores, entre eles estão: preço de referência, gasto, benefício final, capacidade de estocar, investimento reduzido, entre outros.
Aula 1. Quais são os tipos de produto? Explique.
\u2022 Produtos de conveniência: produtos comprados com maior frequência, não precisa gastar tempo no esforço de compra. São produtos de prateleira, básicos, que se encontram em pontos de venda de autosserviço. Em geral, possuem preço baixo e são altamente disponíveis. Subdividem-se em produtos de primeira necessidade, de impulso e de emergência. Exemplos: sabonetes, cremes dentais, jornais, chocolates, cigarros etc.
 \u2022 Produtos de compra comparada: são comparados com outros pelo consumidor antes de sua compra. Possuem em geral maior durabilidade e custo que os bens de conveniência e, por isso, requerem mais esforço para a compra. Exemplos: Roupas, calçados, móveis, eletrodomésticos básicos etc. Processo de seleção e compra: comparação de adequação, qualidade, preço, modelo, atributos.
\u2022 Produtos de especialidade: são bens com características singulares ou marca forte. Os custos são mais altos e requerem um esforço extra por parte dos consumidores, o que envolve uma longa busca por informações a respeito do item antes de adquiri-lo. Exemplos: carros, casas, barcos etc. 
\u2022 Produtos não-Procurados: São os que os consumidores não pensam em comprar ou não sabem que existe. Exigem propaganda e apoio de equipe de vendas para o seu devido escoamento. Exemplos: seguros de vida, plano funerário, enciclopédia.
Aula 2. Explique o mercado de concorrência perfeita.
Mercado formado por inúmeros fornecedores e concorrentes com características bem similares e custo baixo para mudança de fornecedor, onde nenhuma empresa é capaz de influenciar significativamente o mercado. Todos oferecem basicamente o mesmo preço, com estruturas de custo bem semelhantes e a possibilidade de diferenciação ocorre na prestação do serviço, nos quais os comerciantes buscam capitalizar seus esforços na hora do atendimento, visando estabelecer um relacionamento duradouro com o cliente para mostrar a qualidade dos seus produtos e serviços
Aula 3. O que é Sistema Vertical de Marketing?
Canal que é administrado de maneira central, a fim de obter eficiência e impacto em marketing. Esses sistemas surgem como resposta estruturada das empresas aos problemas de relacionamento, determinação, objetivos e motivação dentro da comercialização. O foco está no desempenho do canal como um todo (Kolder e Armstrong, 2003), dado que os sistemas convencionais têm fraco desempenho devido ao desinteresse dos atores ou ao fato de uma empresa querer maximizar seus ganhos sem considerar os ganhos dos outros membros. O SMV é uma lógica de organização das atividades comerciais baseada em mecanismos e procedimentos formais para atribuição de metas, papéis e de resolução de conflitos. Consiste de fabricantes, atacadistas e varejistas que atuam como um sistema unificado, em que um membro é dono dos outros ou trabalha com eles sob contrato ou tem poder suficiente para obter cooperação