A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
AV Historia e antropologia da nutrição

Pré-visualização | Página 1 de 2

Avaliação: SDE4542_AV_201901310639 (AG) » HISTÓRIA E ANTROPOLOGIA DA NUTRIÇÃO
Tipo de Avaliação: AV
Aluno: 201901310639 - MARCIO ALMEIDA LAURIA
Professor: LAURA EUGENIA PEREZ FREITAS Turma: 9001/AA
Nota da Prova: 9,0 Nota de Partic.: Av. Parcial Data: 18/11/2019 09:15:23
 1a Questão (Ref.: 201904442273) Pontos: 1,0 / 1,0
Podemos definir cultura como tudo aquilo que o homem transforma, de acordo com suas necessidades e demandas.
Isso também ocorre com a alimentação, que foi constantemente modificada ao longo da história, incluindo todos os
signos e rituais que envolvem a sua prática, que também, mudam de uma cultura para a outra. Isso pode ser
percebido, por exemplo, no comportamento e percepção sobre:
O que é comestível, porque comer, de quem comprar, onde comprar.
O que é venenoso, porque comer, quando comer, onde comprar.
O que é comestível, porque comer, quando comer, onde comprar.
 O que é comestível, como comer, quando comer, com quem comer.
O que é venenoso, como comer, de quem comprar, com quem comer.
 2a Questão (Ref.: 201904442280) Pontos: 1,0 / 1,0
Das alternativas abaixo, qual a que melhor expressa a diferença entre o que é alimento e o que é comida?
Alimento é tudo aquilo que se come livre de interferências culturais, como por exemplo o cozimento. Comida
é tudo o que se come com interferência cultural em seu processo de preparo.
Alimento é qualquer substância nutritiva que pode ser ingerida para manter a vida, de acordo com um
modo, um estilo, um jeito de alimentar-se. Enquanto que comida diz respeito a tudo o que se come com
prazer de acordo sem regras sociais.
 Alimento é qualquer substância nutritiva que pode ser ingerida para manter a vida. Enquanto que comida diz
respeito a tudo o que se come com prazer de acordo com regras sociais, dessa forma não é apenas uma
substância alimentar, mas um modo, um estilo, um jeito de alimentar-se.
Alimento é tudo o que se come com interferência cultural em seu processo de preparo. Comida é tudo aquilo
que se come livre de interferências culturais, como por exemplo o cozimento.
Alimento é qualquer substância nutritiva que pode ser ingerida com prazer, de acordo com regras sociais,
dessa forma não é apenas uma substância alimentar, mas um modo, um estilo, um jeito de alimentar-se.
Enquanto que comida diz respeito a tudo o que se come para manter a vida.
 3a Questão (Ref.: 201904442285) Pontos: 1,0 / 1,0
Senso comum é o conjunto de saberes, crenças e verdades que nasce, se renova e se constitui como fonte de
explicação para diversos fenômenos da sociedade, formado pela própria sociedade e para a sociedade, sem
validade científica. Pensamento crítico é a reflexão crítica desse senso comum. Ao invés de utilizar argumentos
prontos, advindo desses saberes do senso comum, questionar, refletir, pesquisar respostas científicas para os
problemas cotidianos. Para o nutricionista o pensamento crítico é importante para:
Que o saber científico seja traduzido de forma clara para a sociedade, através de estratégias que
demonstrem para as comunidades envolvidas nas ações de saúde que elas são, em geral dotadas de senso
comum.
Que o saber científico seja mesclado aos da sociedade, das comunidades envolvidas nas ações de saúde, em
geral dotadas de senso comum, para aprimorar a comunicação entre elas e os profissionais da saúde.
 Que o saber científico seja traduzido de forma clara para a sociedade, através de estratégias que viabilizem
a comunicação entre profissionais da saúde e as comunidades envolvidas nas ações de saúde, em geral
dotadas de senso comum.
javascript:alert('Ref. da quest%C3%A3o: 201904442273\n\nStatus da quest%C3%A3o: Liberada para Uso.');
javascript:alert('Ref. da quest%C3%A3o: 201904442280\n\nStatus da quest%C3%A3o: Liberada para Uso.');
javascript:alert('Ref. da quest%C3%A3o: 201904442285\n\nStatus da quest%C3%A3o: Liberada para Uso.');
Que o saber científico seja preservado da para a sociedade para não atrapalhar a comunicação entre
profissionais da saúde e as comunidades envolvidas nas ações de saúde, em geral dotadas de senso comum.
Que o saber científico seja bem entendido para que, no exercício da profissão, o senso comum seja
combatido.
 4a Questão (Ref.: 201904442323) Pontos: 1,0 / 1,0
Modelos alimentares costumam ser modificados e adaptados de acordo com diferentes contextos, objetivos e
finalidades. Por conta disso, modelos alimentares antigos costumam ser reeditados na contemporaneidade
surgindo, inclusive, variações de restrições. Das alternativas abaixo, qual NÃO representa um modelo alimentar?
Vegetarianismo: alimentação baseada no consumo de vegetais, que restringe proteína animal
Frugivorismo: alimentação baseada em consumo de frutas.
 Ovarismo: alimentação baseada em consumo de ovos.
Crudivorismo: alimentação baseada em consumo de alimentos crus.
Cerealismo: alimentação baseada em consumo de cereais.
 5a Questão (Ref.: 201904442356) Pontos: 1,0 / 1,0
O Catolicismo é a religião de maior expressão no Brasil e, culturalmente, influencia muito as nossas práticas
alimentares. Leia as afirmações abaixo e, em seguida, indique a alternativa correta.
I - O tabu sobre a ingestão de carne vermelha durante a semana santa.
II - A ceia de Natal, com a presença de aves como protagonistas na mesa.
III - O uso do milho como ingrediente das preparações nos festejos juninos.
Estão corretas apenas as alternativas I e III.
 Todas as alternativas estão corretas.
Estão corretas apenas as alternativas I e II.
Nenhuma das alternativas está correta.
Estão corretas apenas as alternativas II e III.
 6a Questão (Ref.: 201904442337) Pontos: 0,0 / 1,0
Fatores políticos e econômicos são fundamentais para as possibilidades de escolhas alimentares de uma sociedade.
No caso do Brasil, por exemplo, com sua enorme extensão territorial, biodiversidade e diversidade cultural, as
políticas alimentares são descontinuadas (mudam de governo para governo). Além disso, questões como renda
familiar e logísticas também influenciam. Considerando esses fatores, analise as afirmações abaixo e marque a
alternativa correta.
I - O valor dos produtos sofre alterações de acordo com a localidade, influenciados pela distribuição e/ou poder
aquisitivo da população.
II - A distribuição logística de abastecimento, predominantemente rodoviária, possibilita que itens de hortifruti
granjeiro possam ser mais frescos no interior que nos grandes centros.
III - A regionalização da produção dificulta o investimento público em logística e distribuição, já que as vias são
predominantemente rodoviárias.
IV - Nos grandes centros econômicos do país a oferta de alimentos é muito maior do que nas áreas mais
interioranas.
 Estão corretas as alternativas I, II e IV.
Estão corretas as alternativas I, III e IV.
Estão corretas as alternativas I, II e III.
 
Estão corretas as alternativas II, III e IV.
 Todas as alternativas estão corretas.
javascript:alert('Ref. da quest%C3%A3o: 201904442323\n\nStatus da quest%C3%A3o: Liberada para Uso.');
javascript:alert('Ref. da quest%C3%A3o: 201904442356\n\nStatus da quest%C3%A3o: Liberada para Uso.');
javascript:alert('Ref. da quest%C3%A3o: 201904442337\n\nStatus da quest%C3%A3o: Liberada para Uso.');
 7a Questão (Ref.: 201904442338) Pontos: 1,0 / 1,0
O açúcar é de origem árabe, foi inicialmente domesticado e comercializado com portugueses, refinado pelos
holandeses e, em seguida, ganhou o mundo. Durante a Idade Moderna se tornou um insumo tão raro que chegou a
ser deixado como dote e herança por algumas famílias. Tudo isso por que:
 O açúcar tem um grande poder de conservação e é um estimulante natural.
O açúcar tem um grande poder estimulante e fraco poder de de adoçamento.
O açúcar tem um grande poder de conservação apesar de ter um fraco poder de adoçamento.
O açúcar tem um grande poder de conservação e medicinal.
O açúcar tem um grande poder de estimulante e medicinal.
 8a Questão (Ref.: 201904442424) Pontos: 1,0 / 1,0
A Lei de Terras, que foi assinada no Brasil em 1850, protegia as chamadas ¿terras devolutas¿

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.