A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
PORTIÓLIO DE OPERAÇÕES DE DEPARTAMENTO PESSOAL

Pré-visualização | Página 1 de 1

............................................................................................................................... 
 
 
 
ADMINISTRAÇÃO – N1PCP 
 
MARCIA FREIRE ANJOS - 235502014 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
OPERAÇÕES DO DEPARTAMENTO PESSOAL 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
........................................................................................................................................ 
Guarulhos 
2020 
 
 
 
 
 
 
MARCIA FREIRE ANJOS 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
OPERAÇÕES DO DEPARTAMENTO PESSOAL 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Trabalho apresentado ao Curso Administração do Centro 
Universitário ENIAC para a disciplina de Operações do 
Departamento Pessoal. 
 
Prof. Rogério Pimentel 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
........................................................................................................................................ 
Guarulhos 
2020 
 
 
 
Respostas 
.................................................................................................................... 
Desafio 3. 
 
Em uma ação trabalhista Caroline não terá êxito no pedido de horas extras no que diz 
respeito ao intervalo de interjornada. 
As 17h era finalizada a jornada de trabalho, sendo iniciada nova jornada às 8h do dia 
seguinte, integralizando 15h de intervalo entre as duas. De acordo com os arts. 66 e 
382 da CLT, o mínimo de intervalo de horas são 11h. Portanto era atendido o mínimo 
de intervalo interjornadas. 
 
 
 
Desafio 4. 
 
Além do salário base outras rubricas que constam da folha de vencimentos devem 
constar nos registros contábeis. 
De acordo com as informações do enunciado, deve-se acusar os seguintes registos: 
Relativamente aos salários: 
D R$ 200.000,00 – Folha de pagamentos (Resultados) 
C R$ 200.000,00 – Salários e ordenados a pagar (Passivo Circulante) 
INSS a cargo da empresa: 
D R$ 40.000,00 - INSS - folha de pagamento (Resultado) 
C R$ 40.000,00 - INSS a recolher (Passivo Circulante) 
Relativamente ao FGTS: 
D R$ 16.000,00 – FGTS sobre a folha de pagamentos (Resultado) 
C R$ 16.000,00 – FGTS a recolher (Passivo Circulante) 
INSS funcionário e IRRF na fonte: 
D R$ 35.000,00 - Salários e ordenados a pagar (Passivo Circulante) 
C R$ 15.000,00 - IRRF a recolher (Passivo Circulante) 
C R$ 20.000,00 - INSS a recolher (Passivo Circulante) 
 
 
 
Os descontos dos funcionários devem ser deduzidos do saldo a pagar e reclassificado 
para as contas de impostos a recolher. Além disso deve-se atentar que a cota patronal 
de encargos deve ser registrada nas despesas, sem prejuízo à remuneração do 
trabalhador. 
Deve-se observar ainda que as informações repassadas pela área de apuração de 
folha não estão completas, pois, com base nos princípios contábeis, deve-se constituir 
provisões como 13º salário e férias dos funcionários.

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.