Distrofia muscular
16 pág.

Distrofia muscular


DisciplinaGenética Humana2.552 materiais30.185 seguidores
Pré-visualização1 página
Distrofia	Muscular
progressiva
Distrofias	musculares						tipo	Duchenne (DMD)
tipo	Becker	(DMB)
Distrofia	muscular	de	Duchenne
ü Incidência	3	casos	/	100	mil	pop	geral
1	/	4	mil	meninos
ü Tipo	mais	grave	e	mais	comum
ü Lesão	primaria	da	fibra	muscular
ü Sinais	clínicos	\u2013 idade:	3-5	anos	
ü Evolução	rápida	\u2013 10-12	anos	não	andam	/	
comprometimento	da	musculatura	respiratória	e	
cardíaca
ü Longevidade	<	20	anos
ü Diagnostico:	heredograma sugestivo	de	herança	
ligada	ao	X,	dosagem	de	creatinoquinase sérica,	
DNA,	biopsia	muscular
ü Gene	DMD	(Xp21.2-Xp21.1)	\u2013 3.200	Kb
Distrofia	muscular	de	Becker
ü Incidência	1	caso	/	1	milhão	pop	geral	
3	\u2013 6	/	100	mil	meninos
ü Mutação	no	gene	DMD	(Xp21.2-Xp21.1)
ü Sinais	clínicos	mais	tardios	\u2013 idade:	5-15	anos
ü Evolução	mais	lenta
ü Longevidade	>	40	anos
ü Podem	se	reproduzir	- filhos	normais
- filhas	heterozigotas
Distrofia	muscular	de	Duchenne
Historia
1861
Descrita	pelo	neurologista	
francês	Benjamin	Amand
Duchenne
1950
Herança	ligada	ao	
cromossomo	X
1987
Descrito	o	gene	DMD	por	
Louis	Kunkel
1990
Uso	de	corticoesteroides
(prednisona)	em	pacientes	
com	DMD
2000
Pesquisas	com	células	
tronco	
2009
PTC124	restaura	distrofina
Louis	Kunkel
Boston	Children Hospital
Distrofia	muscular	de	Duchenne
Sinais	clínicos
ü Falha	na	marcha,	andar	desajeitado
ü Ao	cair,	precisa	de	apoio	para	se	levantar
ü Dificuldade	para	correr	e	subir	escadas
ü Aumento	volume	das	panturrilhas	(edema	e	proliferação	
de	tec.	adiposo)
ü Hiperlordose lombar	(comprometimento	dos	músculos	
glúteos	e	tronco)
ü Contraturas	musculares
ü Inicio	dos	sintomas	\u2013 membros	inferiores
Gene	DMD
ü Codifica	proteína	DISTROFINA
ü Alta	taxa	de	mutações	(>	2.000)
1.400	- deleções
200	- duplicações
500	- pequenos	rearranjos	(maioria	nonsense)
alteração	no	quadro	de	leitura	(mRNA\u2192	sequencia	de	aa)
ausência	de	distrofina
Distrofia	muscular	de	Duchenne
Deficiência	de	distrofina
Membrana	celular	anormal
\u2191entrada	
de	Ca2+
\u2191proteases
Apoptose
Physiological Reviews Published 1 April 2002 Vol. 82 no. 2, 291-329
Diagnostico
ü Heredograma sugestivo	de	herança	ligada	ao	cromossomo	X
ü Dosagem	de	creatinoquinase (PCK)
ü Biopsia	muscular	\u2013 detecção	de	distrofina
ü DNA	\u2013 identificação	de	mutação	no	gene	DMD
Distrofia	muscular	de	Duchenne
Distrofia	muscular	de	Duchenne
Tratamento
ü Fisioterapia
ü Uso	de	corticosteroides	- torna	mais	lenta	a	evolução	da	doença
Tratamento
ü Terapia	genica	\u2013 introdução	do	gene	da	distrofina \u2013 vetores	virais
Distrofia	muscular	de	Duchenne
Distrofia	muscular	de	Duchenne
Tratamento
ü Células	tronco	\u2013 stem cellsmusculares	(papel	da	distrofina)
Tratamento
ü Ataluren \u2013 PTC124
ü DMD	\u2013 mutação	nonsense
ü Mecanismo	de	ação:	modula	a	tradução	
\u2192	impedindo	produção	de	proteína	
truncada	\u2192	distrofina funcional
Distrofia	muscular	de	Duchenne
Não	há	terapia	
100%	eficaz Não	há	cura