Famílias e Tutela dos Direitos Difusos

Rui carvalho Piva

Ano: 2014 | Editora: AtlasISBN 9788522489688
  • starstar_borderstar_half
  • starstar_borderstar_half
  • starstar_borderstar_half
  • starstar_borderstar_half
  • starstar_borderstar_half
  • avaliações

Resumo

A ideia central do livro é reconhecer a família como instituição legitimada ativamente para a defesade interesses difusos, podendo promover ações coletivas em defesa dos mesmos. A metodologiaadotada envolveu a adequada utilização de pesquisas legislativa e bibliográfica em fontes de informaçõespolíticas, econômicas, religiosas, sociológicas, históricas, antropológicas e psicológicas.Os resultados permitiram concluir que, sendo a família, através dos tempos, a base da sociedade,com múltiplos deveres em relação à proteção dos direitos difusos, falta-lhe, no ordenamentojurídico brasileiro, legitimidade para que ela própria tome a iniciativa de ajuizamento das açõescoletivas que asseguram esses direitos.Por serem inerentes à entidade familiar o afeto e a prática da virtude, a família é mais habilitadaque os órgãos públicos e as pessoas jurídicas legitimadas a avaliar e propor soluções adequadas àsquestões que envolvem direitos de interesse de toda a sociedade. Por tais razões, justifica-se a inclusãoda família no rol dos legitimados ativos, o que proporcionará, entre nós, uma perspectiva demaior efetividade dos direitos difusos, em sua maioria, ainda, um mero programa constitucional.